terça-feira, 7 de novembro de 2017

ADEUS

O BEIJO DE RODIN
Um fim de tarde, suave, calmo e tranquilo
dois seres se unem em abraços
deixando cair lágrimas de despedida...

Só o silêncio, o pôr do sol
a imensa praia deserta
e os soluços de angustia...

Um fim de tarde, braços apertados
lágrimas amargas
em nossas faces...

Só o silêncio...
e o leito do mar calmo,

Nossos corpos juntos
num último abraço...

Lágrimas que desmaiam
soluços contidos
braços estendidos
e um último olhar.......

POEMA DE LUIS ROMARIZ

17 comentários:

  1. Inspiradissimo e lindo poema! Beleza! Bjs chica

    ResponderEliminar
  2. Excelente e nostálgico poema.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Um abraço dado com alma
    E como reflexo de satisfação
    O nosso corpo acalma
    E alegra nosso coração
    .....................
    Gostei muito do seu blogue. Está linkado no meu
    Fiz-me seguir
    .
    Deixo um abraço amigo
    .

    ResponderEliminar
  4. Não entendo de poesia.
    Mas a escultura de Auguste Rodin, é muito bonita.

    ResponderEliminar
  5. Boa noite querida Zulmira! Vim agradecer sua visita lá no meu cantinho. Seguindo seu blog que amei! Linda poesia, embora sausos . Nossos corpos juntos
    num último abraço...

    Lágrimas que desmaiam
    soluços contidos... são lágrimas que não cabem no peito e transbordam. Lhe convido a seguir meus blogs, será um prazer. Abraços

    ResponderEliminar
  6. Bom dia
    Tão lindo. Parabéns Poeta.

    No nosso blogue por lapso meu saíram dois temas, caso pretenda ler os dois.

    Bjos
    Boa Quarta-feira

    ResponderEliminar
  7. Tristemente lindo!! O Poeta está de Parabéns. (Uma realidade)


    Beijinhos e um dia feliz.

    ResponderEliminar
  8. Eu pessoalmente não sei lidar com isso, não tenho emocional evoluído.

    bjokas =)

    ResponderEliminar
  9. Uma despedida nostálgica... Poema bonito...
    Muita paz! O meu carinho

    ResponderEliminar
  10. as despedidas são sempre tristes
    https://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Só os dois saberão, o motivo da separação... bastante sentida por ambos...
    Um belíssimo poema, onde as emoções, se fazem presentes, em cada palavra...
    Beijinhos! Bom fim de semana, para ambos!
    Ana

    ResponderEliminar
  12. Que poema tão lindo!
    Parabéns ao marido.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderEliminar