domingo, 5 de março de 2017

CONTRASTES

aguarela de Jaime Isidoro

A vida deu-me
um mar enorme
de ondas bordadas,
areias e flores marinhas
e o silêncio para eu sonhar....

Mas os homens deram-me
ruas sem paz
vida inútil, sem esperança
esquinas vazias, nuas, cinzentas
e muros altos, escuros, sem desejos...
   
Mas a ti mar encantado
suave céu azul
vento de carícias
areia meiga e nua...
autoria luis romariz

Um dia voltarei
para as coisas
que eu amo
e são minhas....


PENSAMENTO:

Nem sempre o conhecimento é sabedoria.....

 

11 comentários:

  1. Bem verdade! Lindo demais! Parabéns Poeta.

    beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Um belo e inspirado poema muito bem ilustrado pela aguarela.
    Bjn
    Márcia

    ResponderEliminar
  3. Linda poesia e gostei da frase final! bjs, chica

    ResponderEliminar
  4. Que poema lindíssimo! Deveras inspirador!
    Adorei! Se nenhum dos dois se importar, ficarei com ele debaixo de olho, para o destacar lá no meu canto, qualquer dia, com um link para aqui, evidentemente, como já tenho feito com outros autores!...
    Continuação de boa semana para ambos!
    Beijinhos
    Ana

    ResponderEliminar
  5. Sinto-me grato por querer expor o meu poema, quando quiser, bjs

    ResponderEliminar
  6. Bom dia Mira,
    Que poema lindo!
    Parabéns ao seu marido! Um grande poeta.
    Beijinhos,
    Ailime

    ResponderEliminar
  7. Muito bonito, muito sentido ...para reflectir.
    beijinhos

    ResponderEliminar